Por pbagora.com.br

De acordo com pesquisa qualitativa realizada pelo Instituto Consult, João Azevêdo e Ricardo Coutinho aparecem como maiores lideranças políticas no momento atual da Paraíba.

Este dado demonstra que, pelo menos, para o universo de paraibanos que se manifestou a respeito, o Projeto Girassol continua merecendo a aprovação dos paraibanos. Dizemos projeto porque, embora agora estejam politicamente rompidos, a ascensão de Ricardo e de João, ao Palácio da Redenção, se deu pela via e pelo impacto positivo do mesmo pacote de ideias, ações e partido (no caso o PSB).

À pergunta da pesquisa sobre qual seria o maior líder político da Paraíba na atualidade, 17,10% responderam João Azevêdo, atual governador; 5,95% responderam Ricardo Coutinho.

Detalhe, 42,5% disseram não saber e 15,2% responderam que ninguém ocupa tão relevante status político. De qualquer forma, porém, João e RC foram os mais notados. As demais figuras carimbadas da Paraíba não deram nem pra cheirar.

A consulta

A pesquisa foi realizada pelo Instituto Consult em parceria com o Sistema Arapuan de Comunicação e divulgada nesta quarta-feira (1º) no Programa Arapuan Verdade, exatamente entre os dias 18 e 22 de junho, quando ouviu duas mil pessoas em sete regiões da Paraíba.
Um dado curioso é que dos dois mais citados como principais lideranças da Paraíba, um (o governador João Azevêdo) está vivendo o seu melhor momento de homem público como principal autoridade do Estado, com uma Park 51 dourada carregada de tinta, um Diário Oficial sem limites de página e uma gráfica muito bem azeitada à sua disposição.

 

O outro (Ricardo Coutinho) vive exatamente o seu pior momento: depois de perder tudo isso e ainda abdicar de disputar um mandato certo de Senador da República, vive encurralado pela Operação Calvário e sob a mira implacável da grande imprensa que quer ver a sua caveira a todo custo.

 

João Pessoa

Um outro detalhe curioso e que, com certeza, merece um olhar atento de quem tem interesses na sucessão do prefeito Luciano Cartaxo, é que tanto João como Ricardo, segundo a tal pesquisa, são muito fortes na Grande João Pessoa, mas sobretudo na Capital.

 

Pesar

O autor da coluna lamenta profundamente o falecimento da ex-deputada e ex-prefeita de Itabaiana, Eurídice Moreira (Dona Dida).
Quando juntamente com minha companheira Eloise Elane montamos a Imagem Assessoria de Imprensa, prestamos serviços à então deputada Dona Dida, que desde então tornou-se uma grande amiga nossa.

 

Bruxa solta

O autor da coluna e a sua companheira Eloise Elane se deram conta de que, somente nos últimos dois meses, 14 pessoas do nosso círculo de conhecidos próximos morreram, sem contar com a irmã do ex-vereador Tavinho Santos, da qual não gozávamos de amizade.

Dentre estas pessoas que partiram, cinco eram da área de comunicação: Walter Cartaxo, Wills Leal, Marcos Tavares, Adelson Barbosa e João de Sousa.

 

Wellington Farias

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

PSOL dá o tom da pré-candidatura à PMJP: “Contras as oligarquias”

“Optamos por lançar uma proposta mais pertinente para quem defende interesses reais da população, e não interesses das oligarquias”, a declaração é do pré-candidato a prefeito de João Pessoa pelo…

Após RC, agora é Márcia Lucena que tenta se livrar de tornozeleira eletrônica

Após o ministro Gilmar Mendes, do STF, determinar a retirada da tornozeleira eletrônica do ex-governador Ricardo Coutinho, agora é a prefeita da cidade de Conde, Márcia Lucena que tenta ficar…