A Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) instalou, nesta quinta-feira (15), a Frente Parlamentar em Defesa da Duplicação da BR-230, que foi proposta pelo deputado Cabo Gilberto. O encontro reuniu autoridades de todo o Estado e estabeleceu uma rede de diálogo com o objetivo de discutir soluções para que as obras sejam concluídas nos trechos que vai de Campina Grande até Cajazeiras. Um documento em prol da obra será elaborado e encaminhado para os representantes do Governo Federal.

O presidente da Frente Parlamentar, Cabo Gilberto, afirmou que faltam 348 quilômetros para que a BR-230 seja totalmente duplicada na Paraíba. Ele ressaltou a necessidade da obra sair do papel. “Sabemos que é uma obrigação do Governo Federal. Eu acredito e espero que o presidente cumpra as promessas de campanha. Espero que durante esses quatro anos de governo Jair Bolsonaro pague a dívida histórica que o Governo tem com o Nordeste e com a Paraíba”, destacou o deputado.

Foto: Keicy Victor / ALPB

Cabo Gilberto acrescentou que a duplicação vai trazer mobilidade, desenvolvimento, emprego e renda para a população paraibana. “Nós debatemos as possibilidades de realizar essa obra, que está parada. Vamos sugerir e saber o que pode ser feito para que a obra continue e, por isso, vamos encaminhar tudo o que foi discutido aqui para os representantes do Governo Federal”, afirmou.

O deputado estadual Júnior Araújo explicou que a BR-230 é a rodovia mais importante do Estado e discutir medidas em prol de sua duplicação no trecho de Campina Grande a Cajazeiras é de extrema relevância. Júnior Araújo parabenizou o Cabo Gilberto pela instalação da Frente e ressaltou a necessidade de envolver principalmente os parlamentares federais no debate.

“É uma obra estruturante que trará benefícios para praticamente os 223 municípios da Paraíba. Quero me acostar a esse movimento, que depende muito do Governo Federal, mas cabe a nós levantarmos o tema, mobilizar a bancada federal para que possam levantar esse debate lá no Congresso”, argumentou. O parlamentar ratificou que a duplicação da rodovia trará desenvolvimento econômico, agilidade no escoamento da produção e mais segurança na mobilidade dos paraibanos.

Para o chefe de operações da Polícia Rodoviária Federal (PRF) na Paraíba, Eduardo Guimarães, a melhoria da estrutura das rodovias federais trarão muito mais segurança à população. Segundo ele, uma rodovia duplicada acarreta uma condução mais tranquila aos motoristas, reduzindo, consequentemente, o número de acidentes. “Torna o deslocamento mais seguro no trecho de Campina Grande até o Alto Sertão, até a cidade de Cajazeiras, evitando os graves acidentes que são registrados”, pontuou Guimarães.

Também participaram da solenidade os deputados Taciano Diniz e Pollyanna Dutra; o chefe de planejamento e projetos do DNIT, Antônio Araújo; e os coronéis Carlos Alberto Fernandes e Marcelo Guedon.

 

Assessoria

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

MP arquiva inquérito que investigava ato do ex-governador RC

O Ministério Público da Paraíba (MPPB) homologou o pedido de arquivamento de um inquérito civil público que investigava o ex-governador, Ricardo Coutinho (PSB), por uma suposta improbidade administrativa relacionadas às…

Prefeito interino de Patos revela tentativa de boicote por parte de vereadores

A sintonia que deveria existir entre executivo e legislativo municipal na cidade de Patos continua sendo apenas sonhos. Nesta quarta-feira (18), durante entrevista, o novo prefeito interino da cidade, Ivanes…