A Paraíba o tempo todo  |

ALPB homenageia 40 anos da Unimed JP

A Assembleia Legislativa da Paraíba realizará uma sessão especial às 16 horas desta segunda-feira (19) em homenagem à Unimed João Pessoa, que completou 40 anos de fundação na sexta-feira (16). A propositura é do deputado estadual José Aldemir (DEM). A sessão, que será no plenário da Casa, deverá reunir médicos cooperados, autoridades locais e clientes da Unimed JP. O Coral Jovem UniGente, um dos projetos de responsabilidade social da Unimed JP, fará uma apresentação especial.

O deputado José Aldemir, que também é médico cooperado da Unimed JP, disse que a sessão foi uma das formas encontradas para homenagear a Cooperativa, que tem uma história de bons serviços prestadores aos paraibanos. Ele também destacou o trabalho realizado pela atual gestão. “Aucélio Gusmão [presidente da Cooperativa] não tem medido esforços para organizar a Unimed JP e vem apresentando uma excelente desenvoltura”, afirmou.

Com 131 mil clientes e aproximadamente 1,5 mil médicos cooperados, a Unimed JP é a maior operadora de planos de saúde da Paraíba. Ela detém 90% do mercado de planos de saúde na região em que atua. Somente em João Pessoa, 17,8% dos habitantes são clientes da Cooperativa. O equilíbrio econômico-financeiro é atestado pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), que concedeu o registro definitivo à Cooperativa em 2008.

A rede de assistência médico-hospitalar é a maior e mais completa do Estado. Além do Hospital Unimed JP – que é próprio e referência em procedimentos de alta complexidade -, a rede conta com uma estrutura de outros 20 hospitais credenciados, 149 clínicas, 7 prontos-socorros e 45 laboratórios. O número de médicos é três vezes maior do que o oferecido pelas outras operadoras que atuam no mercado.

A Cooperativa integra, ainda, o Sistema Unimed, apontado como a maior experiência cooperativista da área da saúde no mundo. Em todo o Brasil, são 375 cooperativas, que reúnem mais de 110 mil médicos, 17 milhões de clientes e 73 mil empresas contratantes. De acordo com a pesquisa Superbrands, da empresa inglesa de consultoria Brand Finance, a marca Unimed ocupa a 29ª posição entre as mais valiosas do Brasil, com um valor de 3,2 bilhões de reais. Em apenas um ano, a marca subiu duas posições, passando da 31ª colocação em 2010 para a 29ª em 2011.

Contribuição para a saúde dos paraibanos

 

Desde a fundação, a Unimed JP tem sido marcada pelo pioneirismo. Graças ao Hospital Unimed JP, a Paraíba passou a realizar procedimentos de alta complexidade, como os transplantes de coração e de fígado.

A Cooperativa implantou um programa de promoção da saúde para os clientes antes mesmo da ANS e das outras operadoras começarem a discutir este assunto. Nos últimos anos, a Unimed JP também tem se destacado nacionalmente com o trabalho de responsabilidade social, desenvolvido através do Instituto UniGente. Do ponto de vista administrativo, a Cooperativa investe permanentemente em tecnologia para oferecer mais comodidade e agilidade para os clientes.
O presidente Aucélio Melo de Gusmão declarou que o desafio de administrar uma empresa líder de mercado é grande, porque se exige bastante dela. Mas, a Unimed JP tem conseguido o bom desempenho nestas quatro décadas porque segue um princípio básico: respeito aos clientes, médicos cooperados e funcionários. Além disso, ainda contribui para a melhoria da sociedade como um todo através das ações de responsabilidade social.

Aucélio Gusmão garante que esta conduta será mantida. “Nós vamos continuar trabalhando com o mesmo afinco, sem vaidades, mas com uma vontade cada vez maior. Vemos um futuro aberto pela frente e um espaço forte a ser conquistado. Nada de parar. Todo dia tem que se ter uma atitude mais forte para que se atinjam outros degraus da escada e, com isso, sermos cada vez mais felizes”, declarou.

Coragem, ousadia e empreendedorismo



A ideia de fundar a Unimed João Pessoa foi do oftalmologista Alberto Urquiza Wanderley, falecido em agosto de 1987. Depois de ler um artigo publicado na revista “O médico moderno”, ele ficou impressionado com a experiência desenvolvida em Santos. O oftalmologista foi até aquela cidade verificar o que era necessário para fundar uma cooperativa semelhante em João Pessoa.

Ao voltar à Capital paraibana, uma das primeiras providências de Urquiza foi sair em busca da adesão de 20 médicos, número mínimo necessário para fundar uma cooperativa. De início, conseguiu 18. Com um pouco mais de esforço, obteve as outras duas assinaturas que restavam. Entretanto, Urquiza queria mais e convocou os vinte companheiros para saírem pela cidade em busca de novos cooperados. Os médicos aproveitavam um intervalo e outro de atendimento nos consultórios, clínicas e hospitais da cidade, para explicar aos colegas os benefícios que a Cooperativa traria. E assim, em 16 de dezembro de 1971, a Unimed JP foi constituída com 106 médicos cooperados.

 

Assessoria

PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe