O deputado federal e líder da maioria na Câmara Federal, fez uma avaliação sobre o cenário brasileiro e destacou que dentro da democracia vigente, apesar das opiniões contrárias de partidos e parlamentares, o maior desejo da população é que os seus representantes realizem um  bom debate, com respeito e racionalidade, colocando sempre o Brasil e o interesse dos brasileiros em primeiro lugar.

Aguinaldo ainda repudiou o discurso de ódio proferido por alguns, pontuando que o foco deve estar nas melhorias que foram prometidas, para que o país possa entrar em um novo momento, político, econômico e social e isso deve ser feito sem imposições e sim com convicções.

"Nós estamos jogando a favor do Brasil, pois esse é o compromisso que nós assumimos. Aqui nós vivemos num regime democrático e dentro deste, se convence, ninguém impõe vontade, impor sua convicção beira o autoritarismo e sou defensor da democracia e nós vamos fazer os embates e tenho que respeitar quem pensa diferente de mim e nem por isso eu quero impor a minha vontade. E como se resolve isso? Se resolve no voto, agora temos que debater com respeito e não num ambiente em que as pessoas chegam a demonstrar ódio, não é assim, a gente tem que ter racionalidade para defender aquilo que a gente acredita com convicção" pontuou.

O líder ainda acrescentou que os brasileiros estão esperando colher os frutos que plantaram ao escolher cada representante que hoje está ocupando um cargo eletivo.

"A expectativa do povo agora é colher os frutos. O povo está esperando mais emprego, está esperando por um novo momento para que o país saia dessa curva descendente que estamos vendo" concluiu.

PB Agora com Assessoria

 


Veja como adquirir a certificação digital para pessoa física sem burocracia

 

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Prefeito de Patos diz que vai diminuir distância com o legislativo e que não vai ‘abrir caixa preta’ da gestão anterior

O comando da gestão municipal da morada do sol – Patos, Sertão Paraibano – voltou às mãos de um profissional da saúde. Depois do médico Dinaldinho Wanderley (PSDB), que está…

Cássio garante que continuará colaborando com a PB e classifica como remota tese de disputar PMCG

Sem mandato há seis meses, o ex governador e ex senador Cássio Cunha Lima (PSDB), praticamente afastou a possibilidade de disputar a prefeitura de Campina Grande nas eleições do próximo…