A Paraíba o tempo todo  |

“A gente não tem obrigação de votar nos candidatos dele, nem ele em votar nos nossos”, avalia Enivaldo sobre cenário em CG

O presidente do Progressistas na Paraíba e ex-deputado federal, Enivaldo Ribeiro, comentou o fato do prefeito Bruno Cunha Lima ter exonerado aliados da sigla da gestão municipal de Campina Grande.

De acordo com o chefe da família Ribeiro, Bruno deveria ter separado as coisas já que a eleição municipal que já passou não tem ligação com o pleito estadual deste ano.

Enivaldo chegou a apontar que nem Bruno tem obrigação de votar nos candidatos que o grupo Ribeiro apoia, nem eles têm a obrigação de aprovar e votar nos nomes que Bruno apoia.

O presidente do PP declarou inclusive que as exonerações seriam uma quebra de compromisso por parte de Bruno.

“No momento que ele tirar qualquer pessoa, ele deixa de cumprir o compromisso que ele assumiu, porque a gente não tem nada a ver com a eleição de governador do estado. A gente não tem obrigação de votar nos candidatos dele, nem ele em votar nos nossos” avaliou Enivaldo.

PB Agora

PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      1
      Compartilhe