Por pbagora.com.br

Reconduzido na última semana ao comando da executiva estadual do PT da Paraíba, o presidente Jackson Macêdo fez um alerta, em suas redes sociais, nesse final de semana, à classe jornalística no Brasil diante das declarações e atitudes do presidente Jair Bolsonaro que são contrárias à liberdade de expressão.

“A classe jornalística precisa abrir o olho. Tempos difíceis estão por vir . Sempre que este senhor abre a boca eu tenho um orgulho tremendo de não ter votado nele”, alertou.

Conforme o petista, o discurso do chefe do poder executivo põe em xeque a democracia.

Ainda na postagem, Macêdo classificou Bolsonaro como um ditador Tabajara e arrematou ao ressaltar que tempos difíceis estão por vir.

“Bolsonaro que tanto fala dos “ditadores” Bolivarianos vem construindo um discurso perigoso a nossa democracia. Esse ditador tabajara, hoje, colocou em cheque preceitos constitucionais clássicos como a liberdade de expressão e o sigilo da fonte garantido aos jornalistas. Um absurdo sem tamanho. A classe jornalística precisa abrir o olho. Tempos difíceis estão por vir . Sempre que este senhor abre a boca eu tenho um orgulho tremendo de não ter votado nele”, postou.

https://www.facebook.com/photo.php?fbid=1207784012737512&set=a.1004020423113873&type=3&theater

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Ricardo Pereira comemora números da pesquisa PB Agora/ Datavox em Princesa

O prefeito do município de Princesa Isabel e pré-candidato à reeleição, Ricardo Pereira, comemorou os números da pesquisa PB Agora/Datavox divulgada neste fim de semana. Segundo o gestor, os números…

Assessor do deputado Cb Gilberto, Cb Rui é preso suspeito de agredir mulher, diz site

Cabo Rui, que atua como assessor do deputado estadual Cabo Gilberto, teria sido preso na madrugada deste sábado (1º), após ser autuado na Lei Maria da Penha. A informação foi…