Por pbagora.com.br

Final de ano é a época que crescem os crimes contra os turistas na Paraíba, sobretudo nas áreas litorâneas da Região Metropolitana de João Pessoa, que, por conta das praias, tendem a receber muitos visitantes de outros Estados e países. Até novembro deste ano, a Delegacia Especializada no Atendimento ao Turista (Deatur) já abriu 38 inquéritos sobre estas ocorrências.

 

“A partir do final de setembro até início de março a incidência é bem maior, principalmente os meses de dezembro, janeiro e fevereiro. 100% são crimes patrimoniais. Em todos estes anos foram poucos os casos de crimes contra a pessoa. Maior parte é roubo e furto. Hoje temos uma delegacia para todo o Estado, que dá para atender] de forma adequada pelo fluxo que temos”, disse a delegada adjunta, Simone Barbalho de Lima.

 

A responsável pela delegacia falou do perfil das vítimas e dos criminosos, destacando ainda que maior parte das ocorrências são em praias com menos movimentação. “Geralmente são pessoas que são logo identificadas como turistas e os aproveitadores vão lá e cometem o crime. Em relação aos roubos, os lugares onde há maior incidência são praia de Tabatinga, Seixas e no final do Cabo Branco, próximo às falésias. São áreas mais afastadas e onde não há câmeras de monitoramento”, disse Simone Barbalho.

 

A Companhia Especializada em Apoio ao Turista (Ceatur) informou que, somente na última semana, foram conduzidos à Deatur cerca de 10 pessoas, entre adultos e adolescentes, detidos por prática ou tentativa de delitos como roubo, furto e tráfico de entorpecentes, bem como por mandado de prisão em aberto.

 

A Ceatur informou ainda que é responsável pelo policiamento nos bairros do Altiplano, Cabo Branco, Tambaú e Miramar. Todos os dias, são lançadas diversas modalidades de policiamento, como a rádio patrulha (viaturas), ciclo patrulha (policiamento em bicicletas) e o Veículo Individual de Policiamento (policiamento em biciclos). Também é frequente o reforço de policiamento com outras unidades, como a Força Regional e o Centro de Educação da Polícia Militar, tanto em viaturas como na modalidade a pé.

 

Devido ao aumento do fluxo de pessoas diante das férias e alta temporada do turismo, as ações são intensificadas como forma de prevenir delitos e garantir a segurança dos cidadãos e dos turistas que escolhem como destino a capital paraibana. A Ceatur não informou qual percentual de aumento de efetivo nesta época do ano.

 

 

 

Redação

 


Saiba mais sobre Certificação Digital no Portal Juristas. Adquira seu certificado digital E-CPF ou E-CNPJ com a Juristas Certificação Digital. Entre em contato através do WhatsApp (83) 9 93826000

 

Notícias relacionadas

PRF registra quatro acidentes nas BRs da Grande JP por conta das chuvas

Pelo menos cinco veículos se envolveram em acidentes nas BRs da Paraíba na manhã desta sexta-feira (26) por conta das fortes chuvas que caem desde a madrugada. De acordo com…

PM e PC recuperam em Barra de São Miguel-PB, uma carga roubada em PE

Na manhã de ontem 25/02(quinta feira) as Polícias Militar e Civil, em ação conjunta, recuperam na cidade de Barra de São Miguel uma carga de bebidas que havia sido roubada…