Por pbagora.com.br

Policiais militares da Rotam realizavam rondas no bairro da Ilha do Bispo, Zona Oeste de João Pessoa, quando uma dupla foi avistada em atitude suspeita. Os policiais se aproximaram dos indivíduos, mas antes de anunciarem a abordagem os suspeitos iniciaram uma fuga.

Houve perseguição pelas ruas da Comunidade do Tanque e, segundo os policiais, os acusados efetuaram vários disparos de arma de fogo contra a polícia. Eles conseguiram fugir através do mangue, porém, deixaram para trás uma pistola, um coldre, um celular e um rádio comunicador.

A polícia acredita que um dos elementos seria o chefe de uma ‘boca de fumo’ na localidade, pelo fato de portar um rádio comunicador, que possivelmente servia para receber informações de ‘olheiros’.

 

 

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Polícia investiga assassinato de idosa de 80 anos em Campina Grande

A morte de uma idosa, supostamente asfixiada com fio de ventilador em Campina Grande está sendo investigada pela polícia. O caso aconteceu no bairro de Bodocongó III, e segundo informações…

Suspeito é preso e arma furtada de banco é apreendida, na Paraíba

A Polícia Militar prendeu um suspeito e recuperou uma arma de fogo que havia sido furtada de uma agência bancária no interior da Paraíba. A ação da PM, que aconteceu…