A Paraíba o tempo todo  |

Suspeitos de receptarem materiais de usinas e fazendas em Mamanguape são presos

Imagem Ilustrativa
CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

A Polícia Civil da Paraíba, através de ações desenvolvidas pela Delegacia Seccional de Mamanguape, desarticulou, na manhã desta sexta-feira, 20, uma rede de repectadores de material furtado como transformadores, cobre, máquinas e motores, o que já havia causado um prejuízo de mais de meio milhão de Reais a usinas e fazendas da região.

A operação foi chamada “Fio de cobre” e até agora já prendeu oito pessoas, mas a Polícia Civil continua em diligências. As ações foram coordenadas pelos delegados Sylvio Rabello e Norival Portela, da 7a Delegacia Seccional de Polícia Civil (DSPC), em Mamanguape.

Segundo o delegado seccional Sylvio Rabelo, os furtos aconteciam em fazendas e usinas de Mamanguape, Rio Tinto, Marcação e Itapororoca. “Já foram presas e conduzidas à Delegacia Seccional oito pessoas e muito material apreendido, inclusive o material de receptação reconhecido pelas vítimas, e drogas”, disse o delegado.

Ainda segundo Sylvio Rabello, as vítimas estão sendo chamadas à Delegacia de Mamanguape para reconhecerem o restante do material apreendido, com intuito de serem devolvidos. “Dentre integrantes do grupo, também foram presas pessoas que executavam os crimes patrimoniais e cumpridos mandados por tráfico”, concluiu.

Da Redação com Assessoria

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      1
      Compartilhe