O suplente de vereador da cidade de Conde, Flávio Melo de Souza, foi preso na tarde desta segunda-feira (22). A prisão, efetuada por policiais militares, ocorreu na Câmara Municipal de Conde, em cumprimento a um mandado de prisão preventiva expedido pela 2ª Vara Mista de Sapé contra o suplente.

Ele foi preso juntamente com sua esposa, Janaína da Silva Vieira. Informações divulgadas pela imprensa apontam que o suplente, conhecido como “Flávio do Cabaré”, foi preso por crimes ligados a exploração sexual, mas o processo corre em segredo de Justiça. No município, comenta-se que Flávio mantém uma casa de prostituição, motivo de seu apelido.

Ao ser conduzido pela polícia, questionado pela imprensa, ele negou as acusações e citou o nome do vereador Fernando Araújo, a quem tachou de “policial corrupto e réu confesso”.

“O vereador Fernando Araújo é um corrupto e é réu confesso. Eu não sou réu confesso”, declarou. Ele disse ainda que é um cidadão do bem e que desconhecia o motivo de sua prisão, mas, declarou que “tudo envolve política”.

data-lazy-loaded=1

data-lazy-loaded=1

Redação com Parlamentopb

 


Garanta um desconto especial na sua certificação digital no Juristas Certificados Digitais

 

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Professor é espancado após ser filmado durante ato sexual em praça pública, na PB

Nessa segunda-feira (17) um professor foi espancado na cidade de Serrra Branca, no Cariri paraibano após ser foi filmado praticando sexo oral em um rapaz na praça da cidade. Após…

PC, PM e Bombeiros decidem fazer paralisação nesta quarta-feira na PB

Está programada uma paralisação na Paraíba nesta quarta-feira (19), das Polícias Civil, Militar e o Corpo de Bombeiros. A paralisação acontece para a realização de uma Assembleia Geral Unificada com…