Por pbagora.com.br

Uma tragédia aconteceu na noite de ontem, segunda-feira (06), na cidade de Sousa. Uma criança de apenas 10 anos foi executada dentro de casa, com quatro tiros a queima roupa.

O crime aconteceu na Rua Leandro Sobrinho (bairro não informado). O estudante Anderson Diego Nunes da Silva estava deitado numa rede, em casa, por volta das 10 horas da noite, quando o acusado, Raimundo Nonato Pedrosa, conhecido como Galego, invadiu a residência e com 4 tiros executou a criança.

Anderson ainda foi levado às pressas ao Hospital Regional de Sousa, mas não resistiu aos ferimentos e já chegou sem vida.

Segundo o padrasto da vítima, o motivo do crime teria sido uma espécie de acerto de contas com o garoto, que pela manhã do mesmo dia havia encontrado a carteira do acusado, com uma certa quantia em dinheiro (que não foi revelada pela polícia), mas horas depois devolveu apenas a carteira com os documentos, sem o dinheiro.

Até o momento da ocorrência do crime no portal do 6º BPM, por volta de 2:00h da madrugada, o acusado ainda estava foragido. A polícia ainda não deu mais informações sobre seu paradeiro.

Exata News

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Polícia evita que celulares sejam arremessados para presídio

A Polícia Militar evitou que dez aparelhos celulares, cinco carregadores de bateria e uma peça de corda fossem parar dentro da Penitenciária Padrão Regional de Cajazeiras, no Sertão da Paraíba.…

Taxista é assassinado a tiros em bairro de João Pessoa

Na noite deste sábado (1º), um taxista foi morto a tiros no bairro de Cruz das Armas, em João Pessoa. A polícia investiga assalto seguido de assassinato. O crime aconteceu…