Luana Alves da Silva, mais conhecida como 'a senhora das armas' vai continuar presa. Em  audiência de custódia ocorrida na tarde desta quarta-feira (20), em João Pessoa, o juiz Tércio Chaves de Moura, titular da 2ª Vara Criminal, indeferiu o pedido de revogação da prisão preventiva feito pela defesa e decidiu que ela vai aguardar o julgamento detida..

A ré é investigada pela suposta prática de posse irregular de arma de fogo de uso permitido e  posse ou porte ilegal de arma de fogo de uso restrito.

Conforme informações do Juíz, Luana foi presa em flagrante na última sexta-feira (15), com a posse de armas, e liberada durante audiência de custódia no dia seguinte (16), mediante aplicação de medidas cautelares. No entanto, aportou no Juízo um pedido de prisão preventiva com busca domiciliar da investigada, que foi deferida, com concordância do Ministério Público, alegando um fato novo: que Luana, supostamente, faria parte de uma organização criminosa denominada ‘Okaida’ e que as armas seriam distribuídas em diversos bairros da Capital para serem usadas em ações delituosas.

 

Redação

Leia mais notícias sobre o mundo jurídico no Portal Juristas. Adquira seu certificado digital E-CPF ou E-CNPJ com a Juristas. Entre em contato através do WhatsApp (83) 9 93826000

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Suspeitos de assaltos são baleados na comunidade João Paulo II, na capital

Policiais Militares reagindo a dois jovens suspeitos de assaltos na comunidade João Paulo II, em João Pessoa, feriram a tiros os jovens na noite desta terça-feira (15). O adolescente foi…

Estupro coletivo em Santa Rita: suspeitos teriam filmado abuso

Os integrantes das Polícias Civil e Militar, que prenderam os suspeitos de estuprar uma mulher, na cidade de Santa Rita, que foram presos ontem (14), tiveram acesso a um vídeo…