Por pbagora.com.br
Imagem ilustrativa

A Polícia Civil prendeu, nessa terça-feira (11), o homem suspeito de matar uma mulher e de ferir outras três pessoas, incluindo um bebê recém-nascido. O crime ocorreu no dia 19 de julho deste ano, na cidade de Cruz do Espírito Santo.

O suspeito, de 28 anos, foi encontrado escondido na zona rural da cidade, por equipes do Grupo Tático Especial da Delegacia Seccional de Santa Rita.  Segundo o delegado Reinaldo Nóbrega, o homem teve a prisão preventiva decretada pela Justiça após investigações da Polícia Civil encontrarem indícios da participação dele nos crimes.

O delegado acrescentou que o suspeito, inconformado com a separação da companheira, resolveu atacar a mulher e a família dela. “Ele pegou uma faca e foi até a casa onde a ex-companheira dele estava, ao lado de parentes”, explicou o delegado.

“Chegando lá, o suspeito desferiu golpes contra a ex-companheira,  o ex-sogro, a ex-cunhada e até contra uma criança que se encontrava no local”, afirmou o delegado.

A ex-cunhada morreu e as demais vítimas foram socorridas e conseguiram sobreviver. Após o crime, o suspeito fugiu e passou a ser procurado pela polícia. O homem vai responder processo por um feminicídio e três tentativas de homicídio praticadas contra a ex-companheira e familiares dela.

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Mulher esfaqueia marido durante discussão em João Pessoa

Após discussção, uma mulher esfaqueou o marido na noite deste domingo (20), no bairro do Róger, em João Pessoa. Segundo a polícia, a vítima teria chegado em casa do trabalho…

Polícia localiza 7º envolvido no ataque a banco em Coremas

A Polícia Militar localizou, na noite desse domingo (20), mais um envolvido no ataque ao Banco do Brasil da cidade de Coremas, no Sertão da Paraíba. O homem, de 32…