A polícia desarticulou um grupo criminoso que atuava no município de Esperança, Agreste paraibano. A Operação Éris, deflagrada pela Polícia Civil, prendeu dois homens que, segundo a polícia, têm envolvimento com homicídios, tráfico de drogas e porte ilegal de armas. Além deles, um adolescente também foi apreendido.

Os três suspeitos foram localizados pela polícia no bairro do Catolé, e com eles foram encontrados dois revólveres, um de calibre 38 e outro de calibre 32, um simulacro de pistola e um rifle, além da recuperação de uma motocicleta que havia sido roubada.

De acordo com o delegado Danillo Orengo, os dois homens presos e o adolescente apreendido fazem parte de um grupo criminoso. “Além disso, eles têm diversas rixas com grupos rivais, o que estava provocando uma situação de verdadeira guerra na cidade”, ressaltou.

O nome da Operação – “Éris” – é de origem grega e significa discórdia, justamente um dos motivos da ação da polícia para conter a violência provocada por acertos de contas entre os grupos criminosos no município de Esperança.

PB Agora

 


Garanta um desconto especial na sua certificação digital no Juristas Certificados Digitais

 

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Após furto de equipamento, fornecimento é normalizado em Mamanguape

A Companhia de Água e Esgotos da Paraíba (Cagepa) instalou a nova bomba de captação da Estação Elevatória de Água Bruta de Riacho das Pedras, no município de Mamanguape. A…

Polícia prende suspeito de 14 assassinatos que aterrorizava moradores da Zona Sul

A Polícia Militar prendeu, na noite dessa quinta-feira (12), um suspeito de cometer pelo menos 14 assassinatos na Paraíba. A prisão do acusado, que tem 24 anos, foi realizada após…