Foi detido o quarto suspeito de participar do roubo de 718,9 quilos de ouro no Aeroporto Internacional de Cumbica, em Guarulhos, São Paulo, no dia 25 de julho. Ele foi levado ao Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic) e teve a prisão temporária decretada. A identidade do preso não foi divulgada. Segundo o G1-SP, o homem apelidado de Capim tem antecedentes criminais por roubo a banco e tráfico.

De acordo com a polícia, ao menos 10 pessoas participaram do crime. O trabalho de apuração, no momento, busca identificar os outros envolvidos. Dois suspeitos foram presos no domingo (28/07). O terceiro foi detido em flagrante, segundo a polícia, com um carregador de fuzil e munição.

O grupo chegou ao aeroporto por volta das 14h30 da quinta-feira 25/07, em dois carros disfarçados de viaturas da Polícia Federal. Fortemente armados, eles renderam os funcionários que faziam a manipulação da carga e os obrigaram a transferir o ouro para uma das caminhonetes. A entrada dos ladrões foi facilitada pelo supervisor de logística, que afirma ter sido rendido na noite anterior. A carga foi avaliada em 110 milhões de reais.

Redação com Veja.com

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Presidente nacional do PSL, Luciano Bivar, é alvo de buscas e apreensões da PF

A Polícia Federal (PF) cumpre, na manhã desta terça-feira (15/10), nove mandados de busca e apreensão em endereços ligados ao presidente do PSL, Luciano Bivar. A Operação Guinhol investiga esquema…

Desentendimento entre irmãos em Cuitegi termina com dois deles feridos e um preso

Integrantes do 4º BPM (Batalhão de Polícia Militar) foram acionados, na manhã do sábado (12), para atender a uma ocorrência no Conjunto Santo Amaro, em Cuitegi, onde três irmãos estariam…