A polícia encontrou ontem (05), o corpo de uma mulher em avançado estado de decomposição, às margens da BR-230 no trecho que liga a cidade de Soledade à Olivedos, na Paraíba. De acordo com o delegado, Durval Barros, o corpo é de Thalia Maria Eduarda da Silva, 22 anos que estava desaparecida há cerca de 16 dias.

A vítima estava com as pernas quebradas, porém foi descartada a hipótese de atropelamento, visto que, no local, não se encontrava nenhum vestígio de frenagem de pneus. O Instituto de Perícia Criminalística (IPC) foi acionado e constatou que se tratava de um homicídio, entretanto, ainda não se sabe se o local onde o corpo foi encontrado foi utilizado para cometer o homicídio, ou se foi local de desova.

Ainda segundo o delegado, a mãe da vítima trabalhava em João Pessoa e vinha periodicamente para a casa onde morava com sua filha, neste meio tempo de ausência, a jovem passou a se envolver com traficantes da região e a fazer uso de drogas. Durval afirma que as investigações para a prisão dos acusados de cometer o crime já foram iniciadas, mas que, por enquanto, não tem nenhum suspeito sob investigação.

 

Redação

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Polícia localiza ‘esconderijo’ de quadrilha que estaria praticando assaltos em CG

A Polícia Militar acaba de desarticular uma quadrilha que estaria praticando roubos de carros, em postos de combustíveis, casas e a pessoas, nos últimos 15 dias, em vários bairros de…

Bandidos arrombam escola de dança em CG e levam figurinos de dançarinos

Os bandidos arrombaram uma escola de dança e levaram m figurinos dos dançarinos, em Campina Grande. A escola funciona na Estação Velha, e na ação, os bandidos levaram televisão, objetos…