A Polícia Militar desarticulou uma quadrilha que estaria praticando assaltos e sequestros a motoristas de aplicativo, em João Pessoa. O grupo, composto por quatro integrantes, foi interceptado após tentar praticar roubos na cidade de Conde, utilizando o veículo de uma vítima que foi sequestrada no bairro dos Novais, na Capital.

Em um dos casos, quando eles tentaram roubar uma tapiocaria, uma pessoa não identificada, que estava no estabelecimento, reagiu e feriu dois dos suspeitos. Os outros dois foram presos após uma perseguição policial e encontrados com um revólver e o carro roubado, que estava com o motorista de aplicativo preso no porta-malas.

O líder do bando era um suspeito de 25 anos, que tem passagem pela polícia por tráfico de drogas. Ele foi preso no veículo juntamente com um adolescente de 17 anos. Um dos feridos, que estava sem documentação, morreu durante a tentativa de roubo ao estabelecimento. O outro, um adolescente de 14 anos, foi socorrido sob custódia para o Hospital de Trauma de João Pessoa.

Os quatro acusados são do Bairro das Indústrias, na Capital, e estariam agindo nas últimas semanas contra motoristas de aplicativos. Os detidos foram levados para a Delegacia de Polícia Civil, em Alhandra.

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

TJPB realiza audiência de conciliação hoje entre o Governo e policiais

Com intuito de encontrar um meio termo, o Tribunal de Justiça da Paraíba realiza hoje (28), a audiência de conciliação com o Governo do Estado e os representantes das entidades…

Polícia prende suspeito de assaltar farmácia em João Pessoa

A Polícia Militar prendeu em flagrante um suspeito de 25 anos que tinha acabado de assaltar uma farmácia, na noite dessa quinta-feira (27), na Avenida Epitácio Pessoa, no bairro dos…