Por pbagora.com.br

A Polícia Federal na Paraíba deflagrou, na manhã de hoje (2) a Operação DEFESO, com objetivo de combater fraudes em requerimentos de seguro-desemprego de pescador artesanal (conhecido como “seguro-defeso”).

O seguro-defeso é um benefício pago pelo Governo Federal em prol dos pescadores impossibilitados de realizar a pesca durante o período de reprodução das espécies (Lei nº 10.779, de 25 de novembro de 2003).

As investigações demonstraram que teria havido falsificação de assinaturas em requerimentos de seguro-defeso. Estão na rua 10 policiais federais, dando cumprimento, nas cidades de Cajazeiras/PB e São João do Rio do Peixe/PB, a dois mandados de busca e apreensão, expedidos pela Justiça Federal em Sousa/PB. A suposta conduta delituosa atribuída aos investigados se amolda ao tipo penal previsto no Art. 171, § 3º, do Código Penal.

Redação

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Polícia incinera 300 quilos de drogas em Mamanguape

Cerca de 300 quilos de entorpecentes foram incinerados pela Polícia Civil, na manhã desta terça-feira (20). A ação ocorreu na cidade de Mamanguape, a 170 quilômetros de João Pessoa, e…

PRF recupera em Campina Grande motocicleta roubada na capital paraibana

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) na Paraíba recuperou, na manhã desta terça-feira (20), em Campina Grande, uma motocicleta Honda CG 160 Titan roubada. Os policiais saíam da sede da PRF…