Por pbagora.com.br

As investigações da Polícia Civil resultaram na prisão ontem (24) de dois homens suspeitos de homicídio, cometido em junho, no município Barra de São Miguel, no interior da Paraíba. José Ananias dos Santos, 25 anos, e Luiz Carlos da Silva Diniz Filho, 20 anos, tiveram as prisões decretadas pela Justiça.

Os suspeitos foram identificados como os responsáveis pela morte de José Wilson dos Santos, vulgo “Gordo”, 40 anos. Ele foi morto com requintes de crueldade em 30 de junho, em Barra de São Miguel.

De acordo com o delegado Yaslei Almeida, a vítima foi apedrejada, amarrada por uma corda e arrastada por mais de 150 metros. Em seguida, teve o corpo incendiado.  O suspeito Luiz Carlos confessou o crime após ser confrontado com provas exibidas pela polícia.

Segundo o delegado, “os presos responderão pelo crime de homicídio triplamente qualificado, em função do delito ter sido cometido por motivo fútil, emprego de tortura, fogo e meio cruel, e emprego de recurso que tornou impossível a defesa da vítima.”

 

Redação

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Bandidos amarram vigilante em tentativa de assalto a posto em JP

O vigilante de um posto de combustível foi refém de criminosos durante uma tentativa de assalto na madrugada de hoje (10), em João Pessoa. De acordo com a Polícia Militar,…

Homem atira na cabeça da sua companheira em Mari; vítima foi para o Trauma

Mais um caso de violência contra a mulher, foi registrado na Paraíba, na noite de ontem (09), quando uma mulher ficou gravemente ferida após ser baleada na cabeça, na cidade…