Esposa de um dos detentos do PB-1, foi detida ontem (25), ao tentar entrar no presidio com 105 comprimidos de artane nas partes íntimas. Segundo a direção do presidio ela estaria levando a carga para seu companheiro, quando passou pelo aparelho que escaneia os visitantes, e identificou a carga proibida.

 

A mulher foi levada para o hospital com o intuito de retirar o material, porém se negou para não ser autuada. A delegada Lídia Veloso informou que após a negativa, a suspeita foi levada a delegacia e colocada na carceragem com uma advertência informando que a polícia não se responsabilizaria caso houvesse alguma complicação em relação a substância no corpo dela.

 

Pouco tempo depois a própria suspeita realizou a retirada do material.  Ela foi autuada por tráfico de drogas.

 

Redação

 


Leia mais notícias sobre o mundo jurídico no Portal Juristas. Adquira seu certificado digital E-CPF ou E-CNPJ com a Juristas. Entre em contato através do WhatsApp (83) 9 93826000

 

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

PM frustra assalto a Correios na BR 230 e deixa um dos criminosos ferido

A Polícia Militar agiu rápido e conseguiu frustrar, na tarde desta sexta-feira (23), um assalto à agência dos Correios, no bairro do Cristo Redentor em João Pessoa, em frente à…

Delegados federais divulgam carta em defesa da autonomia da PF

Delegados da Polícia Federal divulgaram, nesta sexta-feira (23/8), uma carta em que defendem medidas legislativas para garantir a autonomia da corporação, evitando interferências políticas. O texto é uma resposta ao…