Por pbagora.com.br

Após salvar o filho, ao disparar arma de fogo contra um homem que invadiu a residência dele no último sábado (26) e tentou lhe esfaquear, o funcionário público Francisco Florêncio da Silva, popularmente conhecido como Assis da Cagepa, disse, nesta quarta-feira (30), que faria tudo novamente.

 

De acordo com informações, o homem que invadiu a casa do advogado Marcos Aurélio, era conhecido como ‘Ronaldo Mão Ligeira’. Para invadir a residência, o acusado contava com o suporte de um comparsa, que aguarda do lado de fora.

 

Ao presenciar o filho correndo risco de morte, Assis da Cagepa pegou o revólver e disparou contra ‘Mão Ligeira’, que foi atingido por um dos tiros. “No momento, pedi para meu filho se afastar e disparei contra ele. Mesmo assim, o homem ainda tentou ferir meu filho. Se o outro tivesse invadido a casa, eu tinha matado também”, desabafou.

 

Diário do Sertão

Notícias relacionadas

Suspeito de assalto é baleado durante troca de tiros, em Pedras de Fogo

Um assaltante foi baleado durante uma troca de tiros com a polícia enquanto era perseguido. O caso foi registrado na noite de ontem (16), na cidade de Pedras de Fogo,…

Fanqueiro MC Kevin morre aos 23 anos após cair de 11º andar de hotel

Ainda na noite deste domingo (16), o hospital para onde levaram MC Kevin confirmou a morte do funkeiro. O jovem de 23 anos, caiu do 11º andar de um hotel…