Por pbagora.com.br

Um mandado expedido pela Justiça da Paraíba afastou do cargo o prefeito do município de Camalaú, no Cariri da Paraíba. Alecsandro Bezerra dos Santos (PSDB), conhecido por Sandro Moco, é acusado de supostas fraudes em licitações e desvios de recursos públicos. A Operação Rent a Car é realizada na manhã desta sexta-feira (14) pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco).

Segundo as investigações, os suspeitos utilizava documentos falsos para locação fraudulenta de veículos do prefeito (uma caminhonete NISSAN FRONTIER LE AT 4X4) registrados em nome de “laranjas”, cujos contratos revelaram prejuízo no valor de R$314.690,62.

Para o Gaeco, desde o início da gestão do atual prefeito, em 2017, os veículos são sistematicamente locados ao município de Camalaú, após prévio direcionamento de processos de licitação, especialmente modelados para tal finalidade.

 

Redação

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Casal é preso pela PRF transportando 12kg de maconha e 4kg de cocaína, na PB

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) prendeu, na tarde desta sexta-feira (25), um casal transportando 12 kg de maconha e 4kg de cocaína. A droga estava escondida em diversos compartimentos na…

Quatro aves silvestres e duas armas de fogo são apreendidas em CG

Policiais Militares da 2ª Companhia de Polícia Ambiental (2ª CPAmb), apreenderam duas armas de fogo e quatro aves silvestres no município de Campina Grande, nessa sexta-feira (25). Após a soltura…