Uma operação conjunta da Polícia Rodoviária Federal com a Polícia Militar da Paraíba, neste domingo (14), por volta das 12h30, prendeu um homem e duas mulheres na BR-101, altura do município de Alhandra, na Paraíba, com cerca de 308 munições de fuzil escondidas no porta-malas de um carro. O armamento é de uso exclusivo das Forças Armadas.

Após fiscalização, os policiais constataram que o veículo era roubado, além de ter a placa clonada. Uma criança também estava no carro. Durante a abordagem, foram encontradas mais de 300 munições de fuzis calibre 5,56mm. Apesar da quantidade de balas, nenhuma arma foi localizada.

Os suspeitos foram encaminhados à Polícia Civil de Alhandra. A corporação não soube informar se a criança será entregue a um responsável legal ou ao Conselho Tutelar.

Da Paraíba para Pernambuco

Os criminosos disseram aos policiais que a intenção era levar a munição para Pernambuco. Recentemente, oito pessoas do estado vizinho foram mortas na Paraíba depois de participar da morte de um policial militar em Pernambuco durante troca de tiros após roubo. O grupo era suspeito de integrar uma facção no Nordeste especialista em assaltos à bancos.

 

Redação

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Bandidos são lixados por populares após assaltar turista em João Pessoa

Um assalto a um turista na Avenida Epitácio Pessoa, em João Pessoa, ontem (20), terminou mal para os acusados, quando populares deteram os dois homens e um adolescente e começaram…

Idoso é preso em Campina Grande suspeito de abusar de criança

Um homem de 62 anos, dono de um bar no bairro Jardim Quarenta, em Campina Grande, é suspeito de abusar de um menino de 10 anos. Segundo as informações policiais…