Por pbagora.com.br

Uma mulher de 44 anos suspeita de atear fogo no marido, após ter corpo queimado em discussão com vizinha, morreu no Hospital de Emergência e Trauma em Campina Grande.
A mulher teve o corpo queimado depois que uma vizinha do casal, de 28 anos, também jogou álcool nela, que acabou sendo atingida pelas chamas do sofá onde estava o homem. 

Conforme o relato da suspeita à Polícia Civil, o homem teria caído em um sofá. O corpo dele e o móvel estavam em chamas quando ela, durante a confusão, jogou álcool na vítima, que estava próxima ao sofá e também foi queimada.

O casal foi socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel (Samu) para o Hospital de Emergência e Trauma de Campina Grande. Devido à gravidade dos ferimentos, eles foram internados em uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do local.
De acordo com a unidade hospitalar, a mulher teve cerca de 36% do corpo queimado e apresentou problemas respiratórios. Por isso, foi entubada. Nesta quinta, ela não resistiu aos ferimentos.

Já o homem, de 32 anos, continua internado no Hospital de Emergência e Trauma de Campina Grande. O estado de saúde dele é estável.

Redação

Notícias relacionadas

Polícia prende suspeito de envolvimento em homicídio no bairro do Bessa

A Polícia Militar prendeu prendeu na noite desta terça-feira (02), um dos suspeitos de participar do assassinado de um homem no bairro do Bessa, em João Pessoa. O crime aconteceu…

Polícia investiga morte do um homem a tiros no bairro Cruz das Armas, em JP

Um homem foi morto a tiros ontem (3) no bairro Cruz das Armas, em João Pessoa. O homicídio aconteceu em via pública, na Rua Palmares. Segundo dados da polícia, a…