A Paraíba o tempo todo  |

Mortes violentas cresceram na pandemia; confira as cidades com maiores índices

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

Em um ano marcado pela pandemia, o número de mortes violentas no Brasil disputou lugar com a covid-19 e cresceu 4% em 2020 em relação ao ano anterior. Foram 50 mil brasileiros que perderam a vida em decorrência de crimes como homicídios, latrocínios, lesão corporal seguida de morte, mortes decorrentes de intervenção policial e homicídios de policiais. Os dados são do Anuário Brasileiro de Segurança Pública 2021, divulgado pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública. Este documento também aponta para onde essa violência sobressai. A região nordeste abriga as taxas mais alarmantes.

O município de Caucaia, no Ceará, ocupa o primeiro lugar no ranking, com uma taxa de mortes violentas intencionais de 98,6 por grupo de 100 mil habitantes. Em seguida está Cabo de Santo Agostinho, em Pernambuco, com índice de 90 assassinatos violentos para cada 100 mil habitantes. Feira de Santana, na Bahia, é a terceira cidade mais violenta do país dentro deste recorte, com taxa de 89,9 mortos por 100 mil habitantes.

Isolados os municípios com população igual ou acima de 100 mil habitantes, 138 dessas cidades, juntas, registraram 37,3% de todas as mortes violentas intencionais no Brasil que aconteceram ao longo de 2020. Essas cidades possuem uma taxa de mortalidade superior à média nacional, que é de 23,6 mortes violentas intencionais (MVI) por 100 mil habitantes.

Veja:

Redação com Congresso em Foco

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe