Após uma jovem identificada como sendo Flávia da Silva Castro, ter sido morta na tarde desta sexta-feira (01) por dois homens em uma moto no momento em que saía de um presídio de Campina Grande, uma das linhas de investigação levam a polícia a crer que o crime teria sido uma execução.

 

Flávia era companheira de um apenado do Presídio do Serrotão e tinha acabado de realizar uma visita quando foi morta a tiros.

 

De acordo com informações da Polícia Civil Flávia já havia sido presa por tráfico e seria próxima de pessoas ligadas à criminalidade.

 

Redação

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

PM apreende maconha cultivada em casa de adolescente em Bayeux

A Polícia Militar apreendeu 50 trouxas de maconha prontas para a venda, na manhã desta sexta-feira (17), durante abordagem a um adolescente de 16 anos, na comunidade Jesus de Nazaré,…

PC prende vereador suspeito de envolvimento com pistolagem

A ‘Operação Manto da Justiça’, foi deflagrada nesta sexta-feira (17), pela Polícia Civil da Paraíba, com o objetivo de reprimir uma célula criminosa voltada a execução de pessoas na região…