Por pbagora.com.br

A Polícia Militar prendeu, em menos de seis horas, o suspeito de uma tentativa de feminicídio que aconteceu na noite desse sábado (03), no bairro Jardim Oceania, em João Pessoa. O crime aconteceu por volta das 18h e o suspeito, um ex-policial militar de Pernambuco, de 40 anos, foi preso logo no início da madrugada desse domingo (04), no mesmo bairro.

Os policiais militares da Companhia Especializada de Apoio ao Turista (Ceatur) estavam realizando o patrulhamento preventivo no bairro do Bessa, quando foram informados que um homem teria efetuado um disparo de arma de fogo em via pública. A equipe foi até local e, logo após, foi comunicada que uma mulher deu entrada na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Bessa, vítima de tentativa de feminicídio realizado pelo seu companheiro. A guarnição se dirigiu para UPA e a mulher disse que no período da tarde o casal teria discutido e que à noite aconteceu o disparo.

Os policiais iniciaram as diligências em busca do suspeito, conseguindo detê-lo com uma pistola calibre 380, no bairro Jardim Oceania. Na abordagem, o homem, que tem 40 anos, se identificou como policial militar do estado de Pernambuco e disse que o tiro foi acidental.

Ao consultar o nome homem na PMPE, a Polícia Militar da Paraíba foi informada que o detido foi expulso da Corporação por envolvimento em ações criminosas contra instituições financeiras. Nas buscas no veículo, foi detectado que o banco estava sujo de sangue, sendo apreendidas 13 munições calibre 380, sendo uma deflagrada, quatro munições calibre 556, uma algema, uma capa de colete com o brasão da PMPE e uma quantia de R$ 3.424,00, em espécie.

O suspeito detido e os materiais apreendidos foram conduzidos para a Central de Flagrantes.

 

Secom

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Aglomeração e tiroteio são registrados na Praça da Paz, nos Bancários

A noite dessa sexta-feira (23) e madrugada deste sábado (24) foram tumultuadas para os moradores que residem no entorno da Praça da Paz, nos Bancários. De acordo com informações uma…

Polícia prende suspeito de matar universitário em Lucena

Após seis dias de intensas investigações, a Polícia Civil conseguiu prender, na tarde desta sexta-feira (23), o homem suspeito de ser o autor da morte do estudante universitário Tássio Felipe…