Por pbagora.com.br

Mais de 70 presos, que cumprem pena em regime aberto e semiaberto no município de Santa Rita, serão beneficiados com o uso da tornozeleira eletrônica. Segundo a juíza titular da 1ª Vara Mista da Comarca e coordenadora dos Mutirões Carcerários no Estado, Lilian Frassinetti Correia Cananéa, os equipamentos serão disponibilizados na próxima quarta-feira (26) aos presos nessas condições de regimes.

De acordo com a magistrada, para que a pessoa presa tenha direito à tornozeleira eletrônica, é necessário ter um bom comportamento, endereço regular, de preferência ser empregado e disponibilizar três números de telefones, de forma que a Central de Monitoramento das Tornozeleiras possa entrar em contato a qualquer dia ou horário. “Todos os apenados que vão receber a tornozeleira estão nessas condições. Caso uma dessas determinações não seja obedecida, o benefício é suspenso”, explicou a juíza Lilian Cananéa.

Conforme informações da Secretaria Estadual de Administração Penitenciária, na Paraíba quase 400 pessoas usam a tornozeleira. Este número pode chegar a 2.000 apenados, com a implantação da política de expansão debatida durante reuniões do Grupo de Monitoramento e Fiscalização do Sistema Carcerário (GMF) do Tribunal de Justiça da Paraíba, que tem como gestor o desembargador Joás de Brito Pereira Filho. Números recentes do Departamento Penitenciário Nacional (Depem) revelam que 51.515 pessoas, no Brasil, são monitoradas eletronicamente.

 

Assessoria TJPB

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Procurado da Justiça é preso em ação das Polícias Civil da PB e do RN

Um homem acusado de praticar assaltos e de matar o irmão de um prefeito no Rio Grande do Norte foi preso em João Pessoa, na manhã desta sexta-feira (25). A…

Presidiário de PE envolvido em oito mortes é preso na Paraíba

Um foragido da Justiça apontado como autor da morte de oito pessoas  foi preso no início da noite dessa quinta-feira (24) pela Polícia Civil da Paraíba.  Os crimes foram praticados em cidades…