Na manhã deste sábado (9), uma jovem de 21 anos foi detida suspeita de matar a filha de três meses, em João Pessoa. Segundo informações do delegado Paulo Josafá, da Delegacia de Homicídios, a jovem já responde na Justiça por espancamento contra a filha de 3 anos.

Relato de uma testemunha aponta que a suspeita teria batido na cabeça da bebê nesta sexta-feira (8), no entanto, a causa da morte ainda não foi esclarecida, já que o corpo da criança foi levado para o Serviço de Verificação de Óbito (SVO), onde passará por exames para identificar a possibilidade de espancamento.

A jovem nega as acusações e afirma que a criança passou mal. Ela diz ainda que as denúncias são feitas por familiares de esposo, que não gostam dela. O delegado informou que a criança foi conduzida para a Maternidade Cândida Vargas pela própria mãe, no entanto, antes mesmo de ser atendida a bebê já não tinha sinais vitais. Foi a equipe médica da unidade hospitalar que acionou a Justiça.

A jovem, segundo o delegado, ficará detida até que os resultados dos exames feitos pelo SVO sejam emitidos.

A suspeita disse a polícia que a criança acordou bem neste sábado, mas após sofrer um engasgo tomou um banho e passou mal. Ela relatou que a bebê nasceu com um problema no coração e passou por uma cirurgia na cabeça quando tinha 6 dias de vida.

 

PB Agora

 

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Desentendimento entre irmãos em Cuitegi termina com dois deles feridos e um preso

Integrantes do 4º BPM (Batalhão de Polícia Militar) foram acionados, na manhã do sábado (12), para atender a uma ocorrência no Conjunto Santo Amaro, em Cuitegi, onde três irmãos estariam…

Três pessoas sofrem afogamento e uma morre em Baía da Traição

Os Socorristas do Corpo de Bombeiros e salva-vidas, prestaram na tarde deste domingo (13), em Prainha, na região de Baía da Traição, tentativas de ressuscitação a três pessoas que se…