Um homem de 34 anos tentou invadir uma Unidade de Polícia Solidária (UPS) para continuar a espancar a mulher dele, de 36 anos, em Santa Rita, Região Metropolitana de João Pessoa. De acordo com a Polícia Civil, ele teria começado a agredir a mulher dentro de um carro antes dela conseguir abrir a porta e fugir para a UPS.

O caso foi registrado na Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (DEAM) de João Pessoa no domingo (3). “Ele estava espancando ela dentro do caro foi quando ela abriu a porta, saiu correndo e entrou na UPS. Ao fechar o cadeado, ele ficou batendo na porta querendo entrar, mas a sargento do local não permitiu”, explicou a delegada Ivanisa Olímpio.

Ainda segundo a delegada, o homem abandonou o carro no local e fugiu para casa para pegar uma moto. “Exatamente neste momento, a Polícia Militar retornava com a vítima para pegar a documentação dela e houve uma perseguição”, disse Ivanisa.

Durante a perseguição, o homem perdeu o controle da moto e caiu. Ele fraturou o braço e foi socorrido pela polícia para o Hospital de Ortotrauma de Mangabeira. O homem continuava internado na unidade até a tarde desta segunda-feira (4). Ele ainda vai ser ouvido pela polícia.

G1

 


Certificado digital mais barato para advogados e contadores. Clique e saiba como adquirir

 

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Hackers anunciam ataque a servidor de páginas do Governo; Secom nega

Um ataque de hackers, a páginas oficiais do governo da Paraíba, ocorreu por volta das 6 horas da manhã desta segunda-feira (14) e foi publicado por perfil anônimo nas redes…

Feminicídio: jovem é morta a facadas por namorado, em Teixeira

A Polícia Militar da Paraíba registrou ontem (14), mais uma caso de feminicídio, quando uma jovem de 16 anos, ter sofrido uma facada, pelo marido, na cidade de Teixeira, na…