Por pbagora.com.br

Um dos presos da Casa Albergue do Monte Santo, em Campina Grande, se passava pelo irmão que está morto desde 2016 para poder ganhar benefícios.

De acordo com informações o detento falsificou o atestado de óbito do irmão fazendo com que para a justiça ele continuasse vivo e ele próprio tivesse morrido.

Com o golpe o detento teria a intenção de voltar a ser réu primário.

A direção do presídio declarou que a farsa fi tão bemmontada que além do atestado de óbito, o homem também utilizava os documento de identidade de CPF do seu irmão falecido.

Apesar da descoberta o homem continua a alegar que é o irmão morto. Ele segue preso no cela de isolamento Presídio do Monte Santo.

PB Agora

Veja como adquirir a certificação digital para pessoa física sem burocracia

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Polícia apreende armas e cumpre mandados de prisão em oito bairros de JP

A Polícia Militar apreendeu seis armas de fogo e cumpriu quatro mandados de prisão contra procurados da Justiça, nessa terça-feira (4), em oito bairros da Capital. O reforço das ações…

81 casos em investigação de desaparecidos na PB irão para o MPPB

Oitenta e um casos de pessoas desaparecidas estão em investigação na Paraíba e serão encaminhados ao Programa de Localização e Identificação de Desaparecidos do Ministério Público da Paraíba (Plid/MPPB). A…