Por pbagora.com.br

Na tarde desta sexta-feira (2), em Campina Grande, um homem de 47 anos foi preso em flagrante  suspeito de estuprar uma criança de apenas 2 anos e 11 meses. De acordo com informações da Polícia Civil, o crime aconteceu na casa da família da vítima.

A vítima reside no bairro José Pinheiro e, segundo apuração dos policiais que estiveram no local, o suspeito é conhecido pela família. Ele cumprimentou a bisavó da criança que estava na frente da casa e adentrou à residência afirmando que iria beber água.

Ainda segundo relatos da família da criança, uma vez dentro da casa, o suposto agressor avistou a criança e a abordou. O tio da vítima estava em um dos quartos quando ouviu o suspeito na sala. Ele flagrou, segundo a polícia, o momento em que o homem a violentar a criança.

O tio da vítima, então, passou a agredi-lo com o intuito de impedir a violência. O suspeito tentou fugir, mas foi detido por vizinhos. Uma viatura da guarda municipal passava que estava no local conduziu a vítima e sua família, assim como, o suspeito para a Central de Polícia.

Na delegacia, o suspeito negou que tenha abusado da garota. No entanto, após levantamento policial, foi constado que o suposto agressor já cumpriu pena pelo mesmo crime.

Ele foi atuado por estupro de vulnerável e está na carceragem do local, à disposição da Justiça. A criança foi encaminhada para o Instituto de Polícia Científica (IPC) do município, onde passou por um exame sexológico.

 

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Homem é preso suspeito de estuprar sobrinho de 5 anos, na Paraíba

Nesta quinta-feira (22), um homem de 45 anos foi preso na cidade de Alcantil, suspeito de estuprar o sobrinho de 5 anos. O crime teria ocorrido na cidade de Boqueirão.…

Durante briga, mulher atinge esposo com golpe de faca e foge, em JP

Mais um caso de violência domestica foi registrado pela Polícia Militar na noite desta quinta-feira (22), no bairro do Rangel, em João Pessoa, quando uma discussão de casal culminou em…