Por pbagora.com.br

A Polícia Militar da Paraíba prendeu na noite desse domingo (24), um homem acusado de bater em um carro conduzido pelo músico da Banda Tuaregue’s Dainha. No momento do acidente ele fazia transporte por aplicativo, no bairro de Manaíra, em João Pessoa. Segundo a polícia, o acusado já havia sido preso em 2016 no estado do Tocantins acusado de estelionato.

Segundo informações da Polícia Civil, o homem de 35 anos, que mora em Rio Branco, no Acre, foi preso no Tocantis após usar cartões clonados, em 9 de novembro de 2016, através de compras na internet. Ele respondia o processo em liberdade.

O acidente – O grave acidente de carro no bairro de Manaíra, em João Pessoa, provocou a morte do músico Jailson Bandeira Bezerra, da banda Tuaregs;

O motorista morreu após ter o veículo atingido por um carro de luxo cujo condutor estava fugindo da polícia na tarde deste domingo (24)

Segundo a Polícia Militar, o condutor de uma BMW não respeitou a ordem de parada dos policiais, fugiu por três quarteirões e foi preso após causar o acidente. Jailson Bandeira, mais conhecido como Dainha Batera, não resistiu aos ferimentos e morreu ainda no local.

PB Agora

Notícias relacionadas

Mulher é vítima de ataque a tiros em via pública na Zona Sul de João Pessoa

Uma mulher de vítima foi vítima de ataque a tiros em via pública na Zona Sul de João Pessoa. Segundo a Polícia Militar, o crime aconteceu por trás de um…

Polícia prende suspeitos de assalto e tráfico de drogas em CG e região

A Polícia Militar prendeu, na tarde dessa terça-feira (23), quatro suspeitos envolvidos em assaltos e tráfico de drogas, no município de Campina Grande e região. As ações da PM resultaram…