A Paraíba o tempo todo  |

Acusado de atropelar Kelton Marques vira réu por morte de motoboy

A juíza Francilucy Rejane de Sousa Mota, da 2ª Vara do Tribunal do Júri de João Pessoa, recebeu a denúncia contra o empresário Ruan Ferreira de Oliveira, conhecido como Ruan Macário, acusado de atropelar e matar o motoboy Kelton Marques, no dia 11 de setembro no Retão de Manaíra, em João Pessoa.

De acordo com o entendimento da magistrada, a denúncia contra Ruan preenche os requisitos legais pois “contém a exposição do fato criminoso, com todas as suas circunstâncias, a qualificação do acusado, a classificação do crime e rol de testemunhas”, existindo “indícios suficientes de autoria e prova da existência de crime”, diz trecho da decisão.

Em sua decisão, a juíza seguiu o entendimento do Ministério Público.

Ruan segue foragido desde a data do atropelamento.

PB Agora

PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      44
      Compartilhe