Uma fiscalização do Ministério Público e outros órgãos constatou que uma bomba estava fraudando a venda de combustível na cidade de Sousa, no Sertão paraibano.

De acordo com o que foi apurado pela fiscalização, a vazão da bomba que vendia gasolina aditivada estava adulterada e o combustível que saía era em menor quantidade do que estava registrado no painel.

O posto alega em sua defesa que a bomba estava lacrada de fábrica e que vai apresentar toda documentação. A operação vai continuar fiscalizando outros estabelecimentos no Estado.

 

Redação com MP

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Polícia descobre depósito de armas, drogas e explosivos em Campina

Após investigar uma denúncia anônima, a Polícia Civil encontrou no bairro das Malvinas em Campina Grande. A operação aconteceu nesta segunda-feira, e no local estava servido de depósito de armas,…

Jovem é atingido por bala perdida durante assalto a hipermercado na BR-230

Mais uma vítima da violência instalada no país, ficou ferida ontem (19) à noite, quando um jovem de 13 anos levou um tiro de bala perdida, enquanto estava passando durante…