A Paraíba o tempo todo  |

Ex-procurador-geral de Bayeux é denunciado pela esposa por violência doméstica

Mais um caso de violência contra as mulheres foi registrado na Paraíba. Desta vez a denúncia partiu de uma servidora pública do município de Bayeux, na Região Metropolitana de João Pessoa, que denunciou o marido, o advogado Aécio Farias Filho, por violência doméstica. O boletim de ocorrência foi registrado na última sexta-feira (25), mas, segundo a vítima, as agressões acontecem há cerca de cinco anos. A Rede Tambaú de Comunicação procurou o jurista, mas não houve resposta.

A mulher relatou que é perseguida pelo marido há oito dias, período que ele deixou a casa onde moravam. “Existiam brigas constantes, bem como ela era agredida moralmente. Ele a chamava de doida, canalha, prostituta, desgraçada, cachorra, satanás e outros pejorativos”, disse a mulher.

A vítima cobrou segurança do programa de proteção Patrulha Maria da Penha, entre outras medidas protetivas de urgência. Aécio Farias ocupou cargos de procurador-geral da prefeitura e da Câmara de Bayeux.

Em nota, a prefeitura de Bayeux lamentou o ocorrido. “Nosso governo tem sido atuante e diligente em políticas públicas voltadas para as mulheres combatendo qualquer forma de violência e buscando sempre amparar as vítimas com nossos diversos serviços. Ficamos tristes com o episódio”, disse a prefeita Luciene Gomes.

Das Redação

PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      17
      Compartilhe