A Paraíba o tempo todo  |

Deputado questiona reajuste acima da inflação praticado pela CAGEPA

PUBLICIDADE

O deputado estadual Moacir Rodrigues (PSL), questionou em entrevista a Companhia de Águas e Esgoto da Paraíba (Cagepa), que realizou audiência pública com o objetivo de dar conhecimento e fundamentar a proposta de reajuste das tarifas nas cidades em que a Cagepa opera. “É lamentável a CAGEPA não estar utilizando a inflação como parâmetro para realizar os reajuste na tarifa dos seus serviços e é isso que estamos questionando” afirmou

Moacir encaminhou oficio ao diretor presidente da CAGEPA, Marcos Vinicius Fernandes Rocha com alguns s questionamentos como a Planilha de custos por região do Estado e por cidades; • Plano de expansão de saneamento básico para o Estado em 2019; •Plano de expansão da rede de esgotos para o Estado em 2019; •Plano de uso da energia solar como forma de baratear os custos; • Plano de reuso de águas em nosso Estado; e • Plano de expansão de saneamento das cidades que serão beneficiadas com as águas do Rio São Francisco.

O reajuste previsto pela CAGEPA é 4%% e a inflação foi de 3,7%

O deputado alertou para as consequências do reajuste, e disse que os paraibanos poderão no futuro não ter condições de pagar a tarifa. Ele tomou como referência a cidade de São Paulo. Segundo a Organização “Junto pela Água”, se as tarifas de água continuarem subindo nos Estados Unidos, conforme o previsto, o número de moradores incapazes de pagar pelo serviço de água poderá ser triplicado em cinco anos, chegando a 36%

 

Assessoria

 


Garanta um desconto especial na sua certificação digital no Juristas Certificados Digitais

 

PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe