A Paraíba o tempo todo  |

Flordelis é denunciada como mandante da morte do marido

A Polícia Civil do Rio de Janeiro concluiu que a deputada Flordelis foi mandante da execução do então marido, o pastor Anderson do Carmo, em junho de 2019. Uma operação, em parceria com o Ministério Público, foi deflagrada agora de manhã e tenta prender envolvidos no crime.

Flordelis é uma das 11 pessoas denunciadas pelo MP. Um dos mandados é cumprido na casa da deputada, em Niterói.

Denunciada como mandante do assassinato de seu marido, o pastor Anderson do Carmo, a deputada só não está sendo presa por causa da imunidade parlamentar.

Segundo a TV Globo, “ela vai responder por homicídio triplamente qualificado (por motivo torpe, meio cruel e impossibilidade de defesa da vítima), associação criminosa, falsidade ideológica e uso de documento falso.

O inquérito concluiu que Anderson foi morto por questões financeiras e poder na família – o pastor controlava todo o dinheiro da igreja de Flordelis”.

Redação com Rede Globo

    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      60
      Compartilhe