Por pbagora.com.br

A renúncia do delegado Afrânio de Britto da Presidência da ADEPDEL (Associação de Defesa das Prerrogativas dos Delegados de Polícia Civil da Paraíba) foi motivada exclusivamente por motivos de saúde. A justificativa foi revelada pelo delegado, no inicio da tarde desta sexta-feira (17), em entrevista ao PB Agora.

Afrânio revelou que já está afastado das funções de delegado e que não pode conciliar também a presidência da Associação.

“Já estou afastado das funções policiais e sabendo que dentro da Associação existem pessoas bastante capacitadas, que são os vices Cláudio Lameirão e Sterferson Nogueira, resolvi pela categoria abrir mão da presidência”, esclareceu.

A renúncia já foi informada para toda a categoria que, segundo Britto, apoiaram a decisão.

“Todos os integrantes da associação já tem conhecimento da minha renúncia, inclusive vários delegados me deram apoio”, acrescentou.

A presidência da entidade agora, fica sob o comando dos vices, Cláudio Lameirão e Sterferson Nogueira que, de agora em diante, assumem a presidência e as negociações com o governo do Estado.

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Após discussão, homem é morto a golpes de gargalo de garrafa na orla de JP

Na madrugada deste domingo (17), um homem foi encontrado morto na orla da praia do Cabo Branco, em João Pessoa. De acordo com informações repassadas a polícia, a vítima vivia…

PM realiza a soltura de caranguejos-uçá capturados no período de defeso

A Polícia Militar, através do Batalhão de Polícia Ambiental (BPAmb), realizou a soltura de mais de 160 caranguejos-uçá, que haviam sido capturados por um homem, na noite desse sábado (16),…