Por pbagora.com.br

 Um assalto a um correspondente bancário do Bradesco na cidade de Caraúbas na microrregião do Cariri Oriental assustou funcionários e clientes da panificadora onde é instalado. O assalto aconteceu na noite desta terça-feira (03) e segundo as vítimas dois homens em uma motocicleta chegaram ao estabelecimento comercial com arma em punho, anunciando o assalto.

O modelo da moto foi identificado como uma Twister mas a placa da moto não foi anotada. O valor levado foi de R$ 10 mil. Os criminosos ainda levaram celulares e relógios das vítimas. Durante a ação criminosa, a dupla rendeu cerca de dez pessoas, entre funcionários e clientes que estavam no estabelecimento. Após recolherem o dinheiro, os bandidos fugiram em direção ao município do Congo.

Balanço – O arrombamento de um caixa eletrônico do HSBC, em Santa Rita, na região metropolitana de João Pessoa, nesta segunda-feira (2), e um assalto a um Posto de Atendimento Bancário (PAB) do Bradesco, em Caraúbas, no Cariri Paraibano, nesta terça-feira (3), foram as primeiras investidas criminosas contra bancos na Paraíba, em junho. No ano são 54 ocorrências, sendo: 21 explosões (15 no Bradesco, 4 no Banco do Brasil e 2 na Caixa), 7 assaltos (3 no Bradesco, 2 no Banco do Brasil e 2 no Itaú), 15 arrombamentos (2 na Caixa, 2 no Banco do Brasil, 3 no Santander, 5 no Itaú, 1 no Bradesco e 2 no HSBC), 5 tentativas de arrombamento/explosão/assalto (2 no Banco do Brasil, 1 no Santander e 2 no Bradesco), 6 Saidinhas/Entradinhas de banco (1 no Santander, 1 no Bradesco, 2 no Banco do Brasil, 1 na Caixa e 1 no Itaú). 

PBAgora

Notícias relacionadas

Foragido da justiça por roubo é preso pela PRF na Paraíba

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) na Paraíba prendeu, nessa quarta-feira (21), um homem foragido da justiça pelo crime de roubo em Santa Rita, região metropolitana de João Pessoa. A equipe…

Polícia troca tiros com traficantes e apreende drogas, em Bayeux

A Polícia Militar apreendeu mais de 5 kg de maconha, nessa quarta-feira (21), após um confronto com traficantes que estavam na comunidade São Lourenço, na cidade de Bayeux. Um suspeito…