Cinco pessoas, entre 18 e 37 anos, foram presas na madrugada desta terça-feira (25) suspeitas de planejar uma disputa por tráfico de drogas, em João Pessoa. As prisões aconteceram no bairro do Varadouro e desarticulou parte do grupo suspeito de ser o responsável pelos tiroteios que estavam acontecendo na capital. Todos os detidos já têm passagens pela polícia por tráfico de drogas, roubos e homicídios.

O grupo foi interceptado no momento em que se preparava para ir atacar a comunidade Saturnino de Brito, que fica no bairro das Trincheiras. Com os presos, foram apreendidos quatro revólveres e uma pistola 9 milímetros, que fazia parte do arsenal que seria usado no ataque.

Entre os presos, estava o “homem de confiança” do líder do grupo criminoso, que era suspeitos de organizar, mobilizar e orquestrar os ataques para tomar as áreas de interesse do bando. Ele tem 37 anos e estaria “gerenciando” o grupo criminoso a partir da comunidade Cangote do Urubu.

Os presos também serão investigados pela tentativa de homicídio que aconteceu na noite dessa segunda-feira (24), na comunidade Cangote do Urubu, e que teve como vítima um jovem de 20 anos. Ele foi socorrido para o Hospital de Emergência e Traumas por um carro particular, com um tiro na boca, e chegou à unidade hospitalar alegando que teria sido vítima de assalto, possivelmente para tentar não chamar a atenção da polícia para a comunidade.

Todos os presos na ação foram levados para a Central de Flagrantes, no bairro do Geisel, em João Pessoa.

G1

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Polícia apreende cocaína com suspeita de atuar no tráfico de drogas em Santa Rita

A Polícia Militar apreendeu um tablete com aproximadamente 1 kg de pasta base de cocaína, na noite dessa terça-feira (14), após denúncia que levou os policiais até a casa de…

Polícia prende suspeito de causar terrorismo em bairro da Capital

Após investigações, a Polícia Civil conseguiu prender, no início da tarde desta terça-feira (14), um homem suspeito de realizar disparos em via pública e ameaçar moradores do bairro dos Bancários,…