A Paraíba o tempo todo  |

Bandidos explodem muro de presídio e libertam 28 presos no Paraná

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

A Polícia do Paraná confirmou que dezenas de bandidos fortemente armados explodiram o muro do Penitenciária Estadual de Piraquara (PEP I), na região metropolitana de Curitiba, na madrugada desta terça-feira (11). Em uma contagem inicial, a administração do presídio contabilizou que 28 presos fugiram. Durante a ação, ruas e rodovias de acesso ao presídio foram bloqueadas e houve uma intensa troca de tiros entre bandidos e policiais militares.

Apesar do caos instalado na região, ninguém ficou ferido durante a ação criminosa. O coronel Hélio de Oliveira Manoel, secretário especial de Administração Penitência, afirmou que foi uma ação orquestrada. “Eles bloquearam rodovias e houve um intensa troca de tiros entre policiais militares e bandidos. Pela forma que tudo aconteceu, podemos dizer que o número de arrebatados foi até pequeno, já que havia uma galeria com mais de 120 presos”, detalhou.

Para a fuga, foi aberto um buraco com explosivos por parte dos marginais. “Foi feita esta explosão para fazer uma passagem. Abriu-se um buraco para que os bandidos fugissem. Agora, nossas equipes estão fazendo buscas nas regiões para localizar os presos que escaparam”, completou.

A polícia agora investiga se o ataque no Paraná e ao PB1 em João Pessoa estão relacionados a uma possível ordem de lideranças do Primeiro Comando da Capital.

PB Agora com TNOline

 


Leia mais notícias sobre o mundo jurídico no Portal Juristas. Adquira seu certificado digital E-CPF ou E-CNPJ com a Juristas. Entre em contato através do WhatsApp (83) 9 93826000

 

CONTEÚDO CONTINUA APÓS PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe