Atropelamento vem sendo uma das principais causas de morte nas rodovias paraibanas, somente este ano 30 pessoas, conforme dados do Sistema de Informações sobre Mortalidade (SIM), já faleceram vítimas de atropelamentos na Paraíba. De janeiro a abril deste ano foram 154 internações em todo o Estado.

Em João Pessoa, foi registrado 147 atropelamentos até o último mês de maio e as avenidas Cruz das Armas, Josefa Taveira e Epitácio Pessoa lideram entre as localidades com maior índice desse tipo de acidente.

Mais um caso foi registrado no estado no início da última sexta-feira, quando um homem de 55 anos foi atingido por uma motocicleta no cruzamento da Avenida Doutor Elpídio de Almeida com a Rua Cônsul Joseph Noujaim Habib Nacad, no bairro do Catolé, no município de Campina Grande, no Agreste paraibano. Ele estava a caminho do trabalho, na Feira Central da cidade, quando sofreu o acidente.

Na ocorrência em Campina Grande, o homem atravessava a faixa de pedestres, por volta das 5h30, quando o condutor de uma moto, que vinha em alta velocidade, desrespeitou e não parou para a sua travessia.

 

Redação

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Suspeita de matar e cortar pênis de companheiro na PB amolou faca antes do crime

A mulher suspeita de matar e cortar pênis de companheiro na Paraíba amolou faca antes do crime. O crime aconteceu em Areial, no Agreste da Paraíba, e segundo a polícia,…

Esposa esfaqueia e mata marido, após briga por traição

A Polícia Militar da Paraíba, foi acionada na noite de ontem (15), para prender uma mulher suspeita de assassinar o marido, no município de Areial, no Agreste paraibano. De acordo…