Dez presos foram transferidos nesta terça-feira (11) da Cadeia Pública de Esperança para o Complexo do Serrotão, em Campina Grande, no Agreste paraibano. A tranferência ocorreu após um princípio de motim registrado nesta segunda-feira (10).

Segundo informações do Grupo Penitenciário de Operações Especiais (GPOE), um grupo de presos passou a ser investigado após uma suposta ligação realizada por um dos detentos de dentro do presídio para um programa de rádio há cerca de duas semanas. No entanto, após uma inspeção dentro das celas, um grupo de presos deu início a um motim na cadeia.

O GPOE, durante o 'pente-fino' recolheu drogas, fones de ouvido, aparelhos celulares e carregadores. Uma escavação em uma das celas também foi localizada pela Polícia Militar, o que sugere uma possível tentativa de fuga.

Controlado o tumulto, a direção da cadeia solicitou a transferência de 10 presos.

 

PB Agora


Saiba mais sobre Certificação Digital no Portal Juristas. Adquira seu certificado digital E-CPF ou E-CNPJ com a Juristas Certificação Digital. Entre em contato através do WhatsApp (83) 9 93826000

Total
0
Compartilhamentos
Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Polícia prende suspeitos de tráfico e apreende arma em Santa Rita

A Operação Nômade, realizada pela Polícia Militar nessa sexta-feira (19), na cidade de Santa Rita, resultou na prisão de três suspeitos de tráfico de drogas, de um procurado pela Justiça…

Goleiro Bruno consegue regime semiaberto e deixa o presídio em MG

O goleiro Bruno Fernandes deixou o presídio de Varginha (MG) na noite desta sexta-feira (19) e vai poder dormir em casa após conseguir a progressão para o regime semiaberto. A…