Um homem foi preso nesta quarta-feira (15), suspeito de adulterar e comercializar água na Paraíba.

De acordo com as informações policiais o homem prometia que a água continha propriedades medicinais para tratamento de doenças graves, como o câncer.

O homem foi feito em flagrante em Jacumã, no Conde, com vários galões do produto que foram apreendidos pela Vigilância Sanitária.

Para ganhar a confiança das pessoas o homem se apresentava como médico e já responde a processos por estelionato e falsificação no estado de São Paulo.

PB Agora

 


Garanta um desconto especial na sua certificação digital no Juristas Certificados Digitais

 

Total
0
Compartilhamentos
Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Polícia detém suspeitos de assaltar estabelecimentos comerciais em Catolé do Rocha

A Polícia Militar prendeumais dois suspeitos de terem envolvimento em ações criminosas contra estabelecimentos comerciais, na cidade de Catolé do Rocha, no Sertão da Paraíba. Os homens, de 33 e…

Justiça mantém prisão de casal suspeito de torturar criança na PB

Justiça mantém prisão de casal suspeito de torturar criança em Boqueirão O casal preso pela Polícia Civil e suspeito de torturar uma criança de sete anos, na cidade de Boqueirão,…