A Polícia Militar prendeu, na tarde desta quarta-feira (5), um dos suspeitos de integrar a quadrilha que atacou um hipermercado, na madrugada dessa terça-feira (4), no bairro da Liberdade, em Campina Grande. O suspeito, de 25 anos, estava na casa que teria servido como base para o grupo criminoso.

Na residência, que fica no Sítio Marinho, entre as cidades de Campina Grande e Massaranduba, foram encontradas as roupas que aparecem nas imagens do crime, luvas, material explosivo, um carro roubado e uma moto com sinais de adulteração.

A PM chegou até o local por meio de informações que indicavam que o carro usado no crime estava lá, versão confirmada pelo preso, mas o veículo foi retirado horas antes da chegada dos policiais do 2º Batalhão.

O suspeito foi apresentado com o material na Delegacia de Roubos e Furtos, em Campina Grande. A PM continua as buscas pelos outros integrantes da quadrilha.

 

Secom

 


Saiba mais sobre Certificação Digital no Portal Juristas. Adquira seu certificado digital E-CPF ou E-CNPJ com a Juristas Certificação Digital. Entre em contato através do WhatsApp (83) 9 93826000

 

Total
0
Compartilhamentos
Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Homem é preso no Sertão ao usar residência para a venda de drogas

Um homem acusado de tráfico de drogas foi preso nessa sexta-feira (18) pela Polícia Civil. O preso, mais conhecido como “Preá”, foi localizado por equipes da Delegacia Seccional de Itaporanga.…

PRF prende homem por tráfico de drogas em ônibus interestadual

A Polícia Rodoviária Federal prendeu no final da tarde desta sexta-feira (18) um homem com 900 gramas de cocaína e 150 gramas de maconha. A prisão ocorreu durante uma abordagem…