O deputado estadual Wilson Filho (PTB) se reuniu com o superintendente do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes na Paraíba (Dnit-PB), Rainer Rembrant, para se atualizar sobre o andamento de duas importantes obras de mobilidade urbana conquistadas através de emendas destinadas por ele enquanto deputado federal.

Ele pediu ao superintendente celeridade na construção da obra mais importante de mobilidade urbana da história da Paraíba: a terceira faixa da BR-230, de Cabedelo a Oitizeiro. A obra conta com o investimento de R$ 150 milhões e requalificará todo o trecho com passarelas, viadutos e vias auxiliares.

"A terceira faixa de Cabedelo a Oitizeiro está em pleno andamento e contará com 13 viadutos. Eu tenho uma honra enorme de ter participado na viabilização desta obra, destinando os recursos através de emenda parlamentar", comemorou.

O deputado aproveitou ainda para agradecer ao superintendente pela agilidade nas obras recapeamento e requalificação da BR-434. As intervenções estão sendo realizadas com um investimento de R$ 30 milhões e acabando com os problemas de buracos e matos invadindo a rodovia, causando perigos aos condutores que trafegam pelo local. A estrada liga os municípios de Uiraúna, Joca Claudino e Poço Dantas, seguindo em direção ao interior do Ceará.

 

Redação

 


Saiba mais sobre Certificação Digital no Portal Juristas. Adquira seu certificado digital E-CPF ou E-CNPJ com a Juristas Certificação Digital. Entre em contato através do WhatsApp (83) 9 93826000

 

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Empreender PB abre inscrições em 29 municípios nesta quarta-feira

O programa Empreender Paraíba abre, nesta quarta-feira (29), a partir das 8h, inscrições para concessões de crédito para empreendedores de 29 municípios que desejam iniciar o seu próprio negócio ou…

Hotel Tambaú será leiloado no dia 4 de março, com lance inicial de R$ 131,9 milhões

O Hotel Tambaú, em João Pessoa, será leiloado no dia quatro de março no Sindicato dos Leiloeiros do Rio de Janeiro, com lance inicial de R$ 131,9 milhões, na primeira…