Após desistir de um habeas corpus na última segunda-feira (23), o ex-secretário de Planejamento, Orçamento e Gestão do Governo do Estado, Waldson de Souza, preso durante a sétima fase da Operação Calvário – Juízo Final, apresentou nessa quarta-feira (25), um novo pedido de habeas corpus ao Superior Tribunal de Justiça (STJ).

Os autos foram encaminhados para a ministra Laurita Vaz, da sexta turma da corte, e em seguida remetidos para à ministra Maria Thereza de Assis Moura. O pedido já está concluso para julgamento e pode ser apreciado já nesta quinta-feira (26).

PB Agora

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Azevêdo empossa os 1.000 aprovados em concurso do magistério na 2ª

O governador João Azevêdo empossa nesta segunda-feira (20) os 1.000 aprovados no concurso para o cargo efetivo de professor de Educação Básica 3, realizado em 2019. A solenidade será na…

Compra de medicamentos extra-SUS crescem 30% na Paraíba

Os investimentos para aquisição de medicamentos não incorporados no Sistema Único de Saúde (SUS) realizados pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Saúde (SES), registraram um…