A Paraíba o tempo todo  |

Vistoria nos transportes escolares começa nesta segunda-feira na sede da STTrans

Vistoria nos transportes escolares começa nesta segunda-feira na sede da STTrans
 

A vistoria nos transportes escolares será iniciada nesta segunda-feira, dia 3, pela Superintendência de Transportes e Trânsito de João Pessoa (STTrans). Os 400 veículos cadastrados devem ser avaliados conforme determina o Código de Trânsito Brasileiro (CTB) com o objetivo de dar mais segurança aos estudantes e tranquilidade aos pais. O período de vistorias vai até o dia 28 de janeiro e os permissionários que atrasarem podem pagar multa. Por dia, uma média de seis mil crianças e adolescentes são transportadas em veículos escolares.

Um cronograma para as vistorias foi montado e os proprietários devem ficar atentos para obedecerem à data indicativa da ordem de registro do veículo. É esperada uma média de 20 vistorias por dia pela Divisão de Transportes Especiais (Dites). As vistorias serão realizadas no período de 8h às 17h, de segunda a sexta-feira, na sede da STTrans (Km 25 da BR-230, no bairro do Cristo Redentor).

A orientação é para que os permissionários não percam o prazo para a vistoria, pois os veículos não aprovados têm um período, de acordo com o tipo de irregularidade, para corrigir o problema e não deixar de funcionar na volta às aulas dos estudantes. No caso de irregularidades em itens referentes à segurança e equipamentos obrigatórios, os problemas encontrados devem ser regularizados imediatamente, caso contrário, o permissionário fica impedido de prestar o serviço.

O chefe da Dites, Leonardo Albuquerque Campos, afirma que os pais devem solicitar o maior número de informações possível antes de assinar um contrato com um prestador deste tipo de serviço. “Os pais devem verificar se o motorista e o veículo são credenciados. O credenciamento significa que ele atende a uma série de requisitos que irão garantir a segurança das crianças. Peçam para verificar o alvará e o crachá emitidos pela STTrans, e se consta no veículo o selo de vistoria que deverá estar afixado no parabrisa dianteiro”, afirmou.

Itens vistoriados – Durante a inspeção, são observados itens de segurança, equipamentos obrigatórios, como também higiene e conforto, como: faroletes e sinaleiras, bancos, forros e tapetes, funilaria e pintura, tacógrafo, extintor, pneus, cintos de segurança, travas das portas, buzina, parabrisas, entre outros, em um total de 40 itens. Também é verificado se as faixas laterais e traseiras estão de acordo com as normas que regulamentam o serviço de transporte escolar.

Durante o processo de renovação da vistoria também são verificados os documentos do veículo e do condutor, tais como a carteira nacional de habilitação, alvará de licença da permissão, certificado de registro e licenciamento com seguro obrigatório, crachás do permissionário e de seus auxiliares como o acompanhante e motorista auxiliar.

A vistoria tem uma taxa fixada em R$ 43,50. O permissionário deve seguir o período de vistoria determinado pelo órgão gestor, mas pode até antecipar a inspeção. Caso perca a data programada no calendário, será cobrada uma multa no valor de R$ 16,31.

Ao ser aprovado, o veículo recebe um selo adesivo na cor azul, correspondente à vistoria do primeiro semestre do ano, que é afixado no parabrisa dianteiro. A STTrans recomenda aos pais dos alunos que antes de contratar o serviço procurem se informar junto à Divisão de Transportes Especiais (através do telefone 3218-9349) se o veículo está devidamente cadastrado e regularizado.
 

 

Jornal O Norte

PUBLICIDADE
    VEJA TAMBÉM

    Comunicar Erros!

    Preencha o formulário para comunicar à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta matéria do PBAgora.

      Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “PROSSEGUIR”, ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site.
      Total
      0
      Compartilhe