O vice-prefeito de Aparecida, Valdemir Teixeira de Oliveira (PTC), tomou posse como novo prefeito do município, no Sertão paraibano. A solenidade de posse aconteceu na noite da sexta-feira (14), na Câmara Municipal, após decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) pela manutenção de sentença do Tribunal de Justiça da Paraíba, que determinou a cassação do mandato do então prefeito Júlio César Queiroga (PTC).

O então prefeito de Aparecida, Júlio César Queiroga (PTC), teve o mandato cassado pelo Tribunal de Justiça da Paraíba após investigações revelarem que o gestor matinha pessoas com vínculo de nepotismo nos quadros de servidores da administração municipal. Ele foi denunciado pelo Ministério Público Estadual por ato de improbidade administrativa, com condenação de perda de direitos políticos, ficando impedido de contratar e terá que pagar multa.

Deixe seu Comentário
Notícias relacionadas

Dívidas trabalhistas: Justiça autoriza leilão do Mussulo Resort

Localizado no município do Conde, Litoral Sul da Paraíba e alvo de denúncias de dívidas trabalhistas, o resort de luxo Mussulo by Mantra irá a leilão. A decisão foi do…

Justiça derruba decisão de Tyrone e proíbe abertura do comércio em Sousa

O juiz Natan Figueiredo Oliveira proibiu a reabertura do comércio na cidade de Sousa, no Sertão da Paraíba, determinada pelo prefeito Fábio Tyrone. De acordo com o juiz, que acatou…